Pão de Canela e Prosa – Onde as palavras têm sabor
Pão de Canela e Prosa

NÃO QUERO QUE PENSES

Eu não quero que tu penses Que eu estou tão sozinho assim E que estou sofrendo tanto Sentindo falta de ti…   Eu não quero que tu penses Que sem ti eu não sou nada, Que sem teus ‘braços e beijos, Sem ti, eu não posso existir…   Eu não quero que tu penses Que eu estou sozinho, náufrago, Num mundo vazio e...

RELÓGIO DO TEMPO

O relógio faz Tic-tac, tic-tac… E você passa, E você corre, E você vive, E você dorme, E você acorda, E você vive, Ou não vive, E trabalha, E só corre, E só cresce, Ou não cresce, E se pergunta, Não se responde, Mas você vive, E corre, corre, E não dorme, Ou não acorda, E é feliz, Sempre infeliz, E vai em frente, E busca...

NOS PEITO NÃO!

O Dr. Epaminondas Leitão, sentado em seu consultório, plantão – a comida do almoço – comida de hospital – ainda na garganta, sonolência, mal-bem, bem mal estar, pensava na casa de praia que queria ter no campo, ou na casa de campo que talvez já tivesse desistido de ter… Plantão é fogo! Ficar à toa num plantão à toa e ficar...

SER POETA

Deus fez o mundo! Surgiu Baco, deus do vinho, Surgiu Vênus, deusa do amor…   Deixaram nascer o poeta, deus da palavra. deus da solidão, deus do romance, deus do amor, não correspondido, deus do vinho, bebido na solidão…   Poeta, dor constante, Poeta, solidão constante, Poeta, poeta, poeta, só…   Poeta...

VEJO-ME PERDIDO

Quando a dor que destrói o coração é maior Que a própria dor que o cria; quando o apito do trem Que parte rasga nosso corpo como a lança Mais dura e fria; quando não temos sentido…   E quando nossa vida parte-se em mil faces, Vemos que é sempre tarde para amarmos a tudo… É nesta hora que temos ânsias de morrer… Ou...

EU MATEI MINHA FILHA

_ Eu matei minha filha! O velho de barbas brancas gritava e todo o hospital psiquiátrico ouvia, apesar de estar confinado no seu quarto de isolamento e contido no leito. _ Eu matei minha filha! Eu matei minha filha! Sempre que sentia falta de casa ou da família ele começava a gritar e sempre e sempre chorava e pedia perdão a Deus por ter...

MORTE

Não quero mais falar da morte! Parece que cultivo e anseio Pela passagem derradeira Não quero mais desejar morrer! Tenho que lutar pela vida Embora não haja motivos, esperança, objetivos, nada! Não acredito, no entanto, Que acabando com essa existência, Resolva meus conflitos mais íntimos, Acabe com a desilusão, Consiga achar a luz depois...