ÁGUA – Pão de Canela e Prosa
Pão de Canela e Prosa

ÁGUA

CHUVA E BURACO

É impressionante como tem buracos nas vias públicas da cidade. De qual cidade? De todas que atualmente estão sendo devoradas pelas chuvas, enchentes e em consequência disso, desabamentos, destruição e mortes.
É incrível o número de cidades que apresentaram perdas imensas devido à essa temporada maior de chuvas.
Chuva é bom! É boa para fazer nascer e crescer plantas! Chuva é bom para molhar a terra e diminuir o calor! Chuva é boa para aumentar o nível dos rios e irrigar a terra.
Desde o antigo Egito se sabe que a água das chuvas e dos rios é fundamental para a vida.
O grande problema é não se conhece a força e o poder da água. A água, quando passa do limite que esperamos, causa enchentes, causa desabamentos, causa destruição.
E de onde vem tanta água? Brincadeiras dizem que São Pedro se esqueceu de fechar a torneira da chuva. Outros inventam outras desculpas. O problema é a água e a sua força. E o que faz a natureza se rebelar? O mar subir? O rio invadir ruas e cidades inteiras? – O homem!
O ser humano!
Eu vejo no meu dia-a-dia muita gente jogando lixo nas ruas. Jogam lixo através das janelas dos carros. Jogam lixo pelas janelas dos prédios! Joga-se lixo por qualquer lugar e em qualquer lugar! E o mundo que se vire!
Nessa história de “e o mundo que se vire” o ser humano vai destruindo, poluindo e acabando com tudo.
E tem buracos nas vias públicas. Estamos perdendo pneus. Estamos nos ferindo. Estamos com cidades feias, cheias de barro, destruição, gente desabrigada, gente morta!
Estamos mudando a temperatura do mundo e não percebemos – ou não nos importamos. O nosso grande problema é não nos importarmos com o que virá. Pra quê cuidar do mundo se vamos morrer um dia e quem virá que se dane!
A natureza é linda! As flores enfeitam nossa vida. Os insetos – por mais que eu não goste de insetos – são fundamentais nesse sistema. Os animais dependem desse equilíbrio da natureza e quem causa o desequilíbrio?
Como diz a música de Sá e Guarabira:
“O homem chega já desfaz a natureza,
Tira rio põe represa,
Diz que tudo vai mudar…”
Até quando?
Até quando vamos reclamar?
Até quando vamos continuar maltratando o planeta e sofrendo as consequências?

Foto: https://www.docol.com.br/planetaagua/h2o/forca-da-agua-provoca-prejuizo-de-us-130-bilhoes-em-2013-2/

            

Sobre o autor Ver todas as postagens

Artur Laizo Escritor

Artur Laizo nasceu em 1960, em Conselheiro Lafaiete – MG, vive em Juiz de Fora há quase quatro décadas, onde também é médico cirurgião e professor.

3 comentáriosDeixe um comentário

  • O que dizer de tantas mudanças climáticas??
    Estão acontecendo e, cada dia que passa , percebemos a necessidade de estarmos mais comprometidos com o bem comum, cuidando e educando nossas crianças.
    Sabemos que, o Brasil , somos nós ! O povo brasileiro!!
    É necessário o empenho de todos ; de cada um em particular!!
    Educação , salva!
    Vamos lá! Gestos concretos!!

  • Estamos vivendo esta triste realidade bem relatada. Somos os responsáveis ou melhor somos humanos irresponsáveis porque permitimos que continue assim. Levantamos muitas vezes uma bandeira mas o mastro pesa e ela fica pelo caminho. Somente com educação , consciência e união as ações terão peso.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados *