ANNE RICE – Pão de Canela e Prosa
Pão de Canela e Prosa

ANNE RICE

anne-rice

Por mais longa que seja nossa existência temos nossas lembranças – pontos no tempo que o próprio tempo não consegue apagar. O sofrimento pode deturpar meus vislumbres do passado, mas mesmo diante do sofrimento algumas lembranças se recusam a perder seja o que for de sua beleza ou de seu esplendor. Pelo contrário,elas permanecem sólidas como pedras preciosas.

 

Não faça da lógica uma religião. Porque com a passagem do tempo, a razão pode lhe falhar; e quando isso ocorrer você poderá se descobrir procurando refúgio na loucura.

 

Talvez o choro impeça que as pessoas enlouqueçam.Simplesmente há coisas que não podem ser reveladas, e há coisas que ninguem pode modificar.

Sobre o autor Ver todas as postagens

Artur Laizo Escritor

Artur Laizo nasceu em 1960, em Conselheiro Lafaiete – MG, vive em Juiz de Fora há quase quatro décadas, onde também é médico cirurgião e professor.

2 comentáriosDeixe um comentário

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados *