Coisas – Pão de Canela e Prosa
Pão de Canela e Prosa

Coisas

 

Há coisas que talvez não possamos segurar,

Há coisas que às vezes não podemos compreender,

Há coisas que nos são imensamente caras

E há aquelas que nos são fundamentais!

 

Há coisas que por mais que queiramos

Não podemos e nem conseguimos ter.

Há  coisas que por mais fortes que sejam

Temos que abrir mão, deixar passar…

 

Há coisas que desejo e quero muito

E outras que não mais me permito.

Há coisas que não mais me passam pela mente…

 

Há coisas que há anos lutei por elas,

E outras que hoje sou capaz de tudo…

E há aquelas que não conseguimos segurar…

Coisas da Noite, 1997:7.

Sobre o autor Ver todas as postagens

Artur Laizo Escritor

Artur Laizo nasceu em 1960, em Conselheiro Lafaiete – MG, vive em Juiz de Fora há quase quatro décadas, onde também é médico cirurgião e professor.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados *