NÃO INTERESSA – Pão de Canela e Prosa
Pão de Canela e Prosa

NÃO INTERESSA

Não interessa
Quem esteve na minha cama,
Quem beijou minha boca,
Quem respirou o mesmo ar…

Não interessa
Quem me amou,
Quem por mim esteve à beira da loucura,
Quem quis respirar junto comigo…

Não interessa
Quem pisou no mesmo caminho,
Quem me seguiu par-e-passo,
Quem quis caminhar e faltou o ar…

Não interessa
Quem tentou seguir os meus sonhos,
Quem não esteve dentro deles,
Quem não vi no desenrolar da minha existência…

Não interessa
Nesse momento, como nos outros,
Ninguém!
Não interessa o amor,
O ar, o caminho,
O sonho, a realidade,
O conjunto todo!
Não interessa, nesse momento,
Tudo e todos que passaram,
Porque quiseram e se foram,
Porque deixaram a vida os levar,
Porque não fui importante
Pra se manter para sempre!

 

Essa poesia ficou em 3º lugar no Concurso Poetas do Brasil.

Sobre o autor Ver todas as postagens

Artur Laizo Escritor

Artur Laizo nasceu em 1960, em Conselheiro Lafaiete – MG, vive em Juiz de Fora há quase quatro décadas, onde também é médico cirurgião e professor.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados *