Pão de Canela e Prosa – Página: 2 – Onde as palavras têm sabor
Pão de Canela e Prosa

A NOITE

O ar carregado, a noite fria, O vento levando sonhos tristes, A tristeza vindo dar sua cria, E a noite trazendo enleios tristes…   O mundo talvez, enquanto é noite, Mude o senso falso das pessoas E no escuro tudo se afoite E surjam as coisas más e boas…   E enquanto é noite, a gente sonha, Num céu estrelado culpa...

I BIENAL DO LIVRO DE UBÁ – MG

Foi realizada na cidade de Ubá – MG, a I BIENAL DO LIVRO nos dias 28 a 30 de setembro com o tema “Ler, conectar e criar”. A bienal homenageou o escritor Pedro Bandeira. Ubá significa em Tupi-guarani canoa de uma peça só, esculpida em madeira. A cidade é o principal polo moveleiro de Minas e também é conhecida pela produção...

PIRANDELLO – FRASES

Abrir-se com alguém, isto sim é realmente coisa de louco! Todo o fantasma, toda a criatura de arte, para existir, deve ter o seu drama, ou seja, um drama do qual seja personagem e pelo qual é personagem. O drama é a razão de ser do personagem; é a sua função vital: necessária para a sua existência. As mulheres, como os sonhos, nunca são...

NA NOITE NOS ENCONTRAMOS

  Como todo vaga-lume na noite Nossos olhos brilharam e se fitaram Na escuridão, em busca De um mundo ideal…   Como todas mariposas da noite Nossas mãos traçaram mil voltas Alisando e comprimindo corpos Procurando calor…   Como toda criatura da noite, Nos entregamos a beijos e paixões, No mais repleto amor E na noite...

O SOL

Quando me perguntaram na festa o que eu esperava da vida, simplesmente respondi: _ Que o mundo se abra e a terra me engula. A senhora gorda me olhou e, talvez, por achar a minha resposta mal educada, se afastou. Eu andava na sala olhando o povo que se balançava ao som de suas músicas estridentes, ou mesmo na algazarra de suas conversas, me via...

HAVERÁ TEMPO?

Talvez eu seja O mais ínfimo dos mortais, E tenha a mente Assim em desordem, Por não conseguir concatenar idéias, Por não conseguir superar barreiras, Por me perder em coisas fúteis, Por não me deixar crescer, Por não me deixar evoluir, Por me atar a terra E não me permitir alçar vôos… Talvez não consiga, Nem em outras...

ULTRA CARNEM

Título; Ultra carnem Editora: Dark Side Autor: Cesar Bravo Número de páginas: 328 DATA DA EDIÇÃO: 2016   Onde comprar: Resenha: O livro é composto de quatro contos. O primeiro se passa em um orfanato comandado por um padre e uma freira, por vota dos anos 1900, onde uma cigana traz uma criança, Lester, para viver nesse lugar. É um...

NÃO INTERESSA

Não interessa Quem esteve na minha cama, Quem beijou minha boca, Quem respirou o mesmo ar…   Não interessa Quem me amou, Quem por mim esteve à beira da loucura, Quem quis respirar junto comigo…   Não interessa Quem pisou no mesmo caminho, Quem me seguiu par-e-passo, Quem quis caminhar e faltou o ar…   Não...