VERONA – ITÁLIA – Pão de Canela e Prosa
Pão de Canela e Prosa

VERONA – ITÁLIA

Verona é uma cidade italiana da região do Vêneto, com cerca de 258 765 habitantes em uma área de 206,63 km². Província: Verona

Santo Padroeiro: Zenão de Verona

Universidade: Universidade de Verona com cinco faculdades e vinte e dois cursos superiores.

 

Verona é uma cidade grande! Tem seu centro histórico e velho como todas as cidades da Europa, mas é uma cidade que cresceu, se modernizou e vive no mundo atual com trânsito e correria.

A Imortalizada na obra de Shakespeare, Romeu e Julieta – os amantes de Verona, a cidade tem como ponto importante para se ver a Casa da Juilieta, construída no século XIII, com a estátua de uma Julieta que dá sorte a quem passar a mão em seu seio. A casa tem um balcão onde as pessoas tiram fotos e muita gente se posta ali tentando achar no meio de tanta gente o seu Romeu.

Os pontos turísticos importantes podem ser vistos em um dia que é suficiente para conhecer e tirar foto, dois dias,então, são perfeitos para conhecer a cidade com calma.

Arena de Verona: Construída no começo do século I d.C. A Arena se desenvolve em círculos concêntricos de blocos de calcário branco e cor de rosa. Hoje é lugar de shows e concertos fantásticos tendo já recebido nomes importantes do cenário artístico mundial.

A basílica de S. Anastasia: A maior basílica da cidade foi construída entre os séculos XIV e XV em homenagem ao dominicano San Pietro da Verona Martire sobre as ruínas da igreja S. Anastasia. O destaque é o interior em estilo gótico rico em obras de arte.

A ponte Pietra: a ponte Pietra foi construída em madeira no começo do século I. Foi construída e reconstruída várias vezes ao longo dos séculos e é essa mistura de estilos e de épocas que torna a ponte fascinante.

O castelvecchio: Construído às margens do rio Ádige em 1354 para defender a cidade e servir como rota de fuga, é o maior edifício público medieval de Verona. O castelo funciona como museu desde 1925.

A praça Erbe: Antigo fórum românico, a praça Erbe, emoldurada pela torre dei Lamberti e pelos belos palácios, abriga um chafariz da Nossa Senhora de Verona e o capitel símbolo da República de Veneza. De segunda a sábado, tem mercado na praça.

O Duomo: A catedral de Verona, dedicada a Santa Maria Assunta, é na verdade, um complexo arquitetônico que engloba as igrejas San Giovanni in Fonte e Santa Elena, o claustro canônico, a biblioteca Capitular, o museu canônico, uma praça e o bispado.

Verona é uma cidade onde a parte histórica é pequena e é fácil de visitar.

 

Informações: http://www.oguiademilao.com/os-10-principais-pontos-turisticos-de-verona/

 

Sobre o autor Ver todas as postagens

Artur Laizo Escritor

Artur Laizo nasceu em 1960, em Conselheiro Lafaiete – MG, vive em Juiz de Fora há quase quatro décadas, onde também é médico cirurgião e professor.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados *