PALAVRAS INTERROMPIDAS – MARCOS DEBRITO – RESENHA – Pão de Canela e Prosa
Pão de Canela e Prosa

PALAVRAS INTERROMPIDAS – MARCOS DEBRITO – RESENHA

Editora: ‎ Faro Editorial; 1ª edição (5 julho 2021)
Idioma: ‎ português
Capa comum: ‎ 144 páginas
ISBN-10: ‎ 6559570126
ISBN-13: ‎ 978-6559570126
Dimensões: ‎ 22.6 x 15.6 x 1.4 cm
Capa e diagramação: Osmane Garcia Filho
Ilustrações: Ricardo Chagas

O corpo de uma jovem foi encontrado na praia. Carlos é chamado para identificar. É a sua filha, mas ele não a reconhece. Os cabelos tingidos de preto e a estranha tatuagem no ombro mostram que Fernanda não se parecia com a menina alegre de quem ele se lembrava. Ao reparar que em seu braço havia indícios de violência, o pai em luto começa uma busca incansável pelo culpado. Enquanto procura por respostas, Carlos se depara com segredos que a filha escondia, e sua investigação o leva a conhecer uma enigmática figura que promete ajudá-lo a encontrar o responsável pela morte de Fernanda, mas não sem antes pedir algo precioso em troca. O que um pai é capaz de fazer para descobrir a verdade? Errar, culpar, matar outras pessoas?

RESENHA:

Mais uma vez, Marcos DeBrito me surpreende com seu livro. Uma história que ao mesmo tempo desperta interesse, curiosidade e prazer de ler. O terror é apresentado, no início, de forma sutil, incluindo o terror psicológico do pai que busca respostas, até se desvendar no real terror da história.
O livro foi feito em papel 90 gramas e tem capítulos curtos e precisos – isso facilita a leitura e instiga a ler mais a cada fim de capítulo. Marcos inseriu os diálogos na proporção exata e necessária ao desenrolar da trama.
As ilustrações são perfeitas e tornam a obra muito mais bonita. É como se estivéssemos na beira do mar, observando a alteração da maré e sempre à espreita do que poderá acontecer. Será que estamos sendo observados?
A trama enfim, foi muito bem desenvolvida pelo autor que é um mestre no estilo. Ele nos deixa algumas dúvidas nos primeiros capítulos, mas com certeza, ele esclarece tudo e encerra a trama. É uma história densa, um horror psicológico e real que faz o leitor questionar o que pode estar deixando passar e perdendo na própria vida. O autor nos chama atenção para o egoísmo quando imaginamos que nosso sofrimento é maior que de todas as outras pessoas ao redor.
Eu recomendo “PALAVRAS INTERROMPIDAS” de Marcos DeBrito.

O autor:

Marcos DeBrito sempre esteve envolvido na arte de contar histórias. Sua primeira devoção foi ao cinema, matéria em que se formou e que continua a lhe render premiações a cada novo filme que ganha as telas do mundo. Ávido por diferentes tipos de narrativas e obstinado em levar para mais longe as suas palavras, ingressou na literatura e se tornou um dos principais autores do gênero no país. Autor do best seller A CASA DOS PESADELOS, Marcos retoma o estilo do seu grande sucesso ao abordar temas fortes nesse suspense psicológico.

Siga o autor nas suas redes sociais.

Sobre o autor Ver todas as postagens

Artur Laizo Escritor

Artur Laizo nasceu em 1960, em Conselheiro Lafaiete – MG, vive em Juiz de Fora há quatro décadas, onde também é médico cirurgião e professor. É membro da Academia Juiz-forana de Letras e da Academia de Ciências e Letras de Conselheiro Lafaiete, Sociedade Brasileira de Poetas Aldravistas e presidente da Liga de Escritores, Ilustradores e Autores de Juiz de Fora - LEIAJF.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados *