POESIA – Pão de Canela e Prosa
Pão de Canela e Prosa

Tag - POESIA

FRAGMENTOS DE QUALQUER AMOR – FRAGMENTS OF ANY LOVE – MOISÉS COPPE E THAÍS MOREIRA SILVA – RESENHA

O livro Fragmentos de qualquer amor – Fragments of any love é um livro de poemas e poesias, escrito a duas mãos. Os autores Moisés Coppe e Thaís Silva apresentam em português e inglês os múltiplos fragmentos do amor ou do que se pensa a respeito dele. Livro escrito com paixão e simplicidade, traz em seu bojo diversas percepções...

TROVAS DA PRIMAVERA

A primavera é a estação das flores, no entanto, essa é uma característica da primavera em algumas regiões do planeta. No Brasil, as estações do ano não são bem definidas e o período de floração das plantas ocorre em épocas distintas, não apenas na primavera, variando de acordo com as espécies. No Cerrado, por exemplo, os ipês...

MINHAS TROVAS

Minha opinião: A trova é uma poesia linda que diz tudo em quatro versos, para tanto tem que haver: – musicalidade, ritmo; – a métrica é fundamental, assim como a rima; – é preciso muita atenção à gramática e, por isso mesmo, correção ao escrever; – tem que ser de bom gosto e agradável; – não deve ser um...

O QUE É UMA TROVA?

Historicamente a trova se referia a qualquer poesia ou canto. Seu nascimento está estreitamente associado à poética da Era Medieval, quando trova era o mesmo que a poesia e a letra de uma canção. Seu cultivo traduzia perfeitamente o contexto dessa época. Ela floresceu no tempo das Cruzadas, do combate aos mouros, do sistema feudal, do...

MEU RELÓGIO DE PULSO

No meu relógio de pulso Os segundos me parecem minutos E os minutos dias… Porém quando estou feliz, Ouvindo música, olhando a lua, ou com alguém nos braços, Eis que o tempo me escapa entre os dedos Como a água que flui da chuva, Entre os galhos das árvores. O tempo se molda inversamente Aos meus momentos, aos momentos de todos, E...

SOZINHO

Sozinho Sinto-me mais sozinho que dantes quando era mais sozinho que agora! E a solidão – eterna companheira -, senta-se à mesa tão faceira, tornando falsa minha loucura verdadeira! Sinto-me mais sozinho com o frio que invade o coração, com o sol que queima o rosto, com a chuva eterna sobre mim! Não há neste porto onde atraquei meu...

RETROSPECTIVA 2020

RETROSPECTIVA DE 2020 JANEIRO 12- Recebi a antologia LAFAIETE EM PROSA E VERSO onde participo com o conto “A SERPENTE DA CAPELA DE NOSSA SENHORA DO CARMO”; 24- Publicado o e-book: ‘A SINETA DE BRONZE E OUTROS CONTOS” na Amazon. FEVEREIRO 02- O PACTO – capítulo final no Blog; 08- Lançamento do livro “O MENINO QUE PULAVA” de Marisa...